FESTIVAL DE LUZES - Olhares do Mundo

FESTIVAL DE LUZES

De um terremoto nasce a beleza de um dos mais incríveis festivais de luzes do mundo

Kobe, Japão. 17 de janeiro de 1995, 05h46 de uma madrugada que parecia normal. 20 segundos de um tremor de enormes proporções. Era um terremoto de magnitude 6,8 na escala USGS, que marcaria para sempre a história daquela cidade, uma das maiores do país. O sismo de Kobe, como ficou mundialmente conhecido, levou, em poucos segundos, 6.434 vidas.

Naquele dia o Japão parou. Os dados que mostravam 43 mil feridos só sairiam bem mais tarde, mas minutos após o tremor já se sabia que era uma das maiores tragédias causadas por fenômenos naturais da história. Após o sismo, os serviços públicos essenciais, como eletricidade, luz e água, ficaram muito afetados, e a cidade ficou mergulhada em completa escuridão por muitos dias. Mais tarde, nesse mesmo ano, nasceria um dos mais belos festivais de luzes do mundo, o Luminarie, como símbolo de esperança, recuperação e renovação.

A intenção era que o evento ocorresse apenas uma vez, em 1995, mas a popularidade foi tão grande que o Luminarie acabou se tornando uma tradição. Até hoje se você passar por lá no mês de dezembro verá o show iluminado que toma conta de algumas ruas de Kobe. São 200 mil luzes feitas a mão e instaladas uma a uma, compondo desenhos e monumentos únicos. Elas estão ali em memória dos que se foram na tragédia e como símbolo de renovação, daquilo que nasceu do tremor e transformou-se em esperança.

As luzes foram doadas pelo governo italiano, em solidariedade ao japonês, e a instalação foi feita, pela primeira vez, por Valerio Festi e Hirokazu Imaoka. As luzes foram aprimoradas com o passar dos anos, mas a essência do festival continua a mesma. Hoje, a energia que as acende é gerada a partir de gás de biomassa, tornando o evento, além de tudo, sustentável. Apesar de ser durante o mês do Natal, o Luminarie não tem temática natalina.

O espetáculo é muito aguardado por moradores e atrai muitos turistas. Ele se tornou muito característico da cidade e é um exemplo de memorial para todos os governos do mundo. É a partir das cores e luzes que as famílias atingidas são reverenciadas e que a esperança se acende e se renova ano após ano.

banners-olhares-do-mundo-_0000_3

MAIS CONTEÚDOS